Blog

Casa Cor 2014 – Casa de Campo

27
set
2014

Por , em setembro 27th, 2014

Este ano o Studio Zuba foi mais generoso na metragem. Com 260m2, a casa de campo terá uma imponente entrada, living, sala de jantar, lareira, lavabo, suite do casal, jardim interno, cozinha, varanda, fireplace e Spa… Um espaço muito charmoso idealizado para ser um refúgio da família… Um local para relaxar, passar os finais de semana, ferias… Nas fachadas, usamos grandes panos de vidro que emolduram (e fazem verdadeiros quadros naturais) a bela paisagem externa: um jardim e lago que se integram totalmente com o interior. Tanto na arquitetura quanto na decoração, será usado muita madeira e fibras naturais .O branco dominará e dará suavidade e glamour ao ambiente. Mas não vou entrar muito em detalhes para não estragar a surpresa. Venham conhecer nossa Casa de Campo que estará aberta ao publico a partir do dia 01 de outubro a 18 de novembro, de terça a domingo, das 12h as 22h - SIGS QUADRA 01 LOTE 635 – Brasília – DF

foto 1
Fachada principal em acabamento
foto 3

Móveis chegando para montagem

foto 2 foto 4

Quando a arquitetura emociona…

04
abr
2014

Por , em abril 4th, 2014

Residencia situada no Lago Sul com 630 metros quadrados.

Projeto Studio Denise Zuba.

3D realizado pelo arquiteto Luiz Paulo Azevedo.

Tijolo estilo Inglês

10
fev
2014

Por , em fevereiro 10th, 2014

Os revestimentos para fachada estão cada dia mais charmosos. São eles que dão o arremate final na arquitetura, deixam a casa com identidade e um toque especial. Sempre chegam novidades no mercado. E nós arquitetos abusamos das chapas em mármore bruto, pedras naturais, aço corten, pinturas especiais… Hoje vou falar do mais queridinho dos clientes: o tijolo “estilo inglês”.  A eterna busca dos arquitetos e design de interiores sempre será por produtos que fogem do convencional e ao mesmo tempo apresentam toda classe e elegância para compor seus projetos. A Palimanan então, trouxe diversas variedades de tom e estilo do tijolinho convencional. Shiraz, Autumn, Duet, Rose Satin, são os que mais especificamos.

p065 p0113 p0114 p0116 p0210 p0211

A marca também tem uma grande variedade de pedras naturais com cores, texturas e design únicos, tanto pra fachadas quanto pra revestimentos internos e piscinas. Vale a pena entrar no site pra conhecer: http://www.palimanan.com.br/

Na Casa Sob Medida (Casa Cor 2013) usamos o Duet, tanto na fachada quanto na parte interna:

_DGD5611 _DGD5777

A loja Vallori é representante da Palimanan em Brasília.

Mesa Circular Extensível

06
fev
2014

Por , em fevereiro 6th, 2014

Embora não faltem recursos tecnológicos de permitir que uma mesa “cresça” para acomodar mais pessoas, esses sistemas atendem mais as mesas em formato retangular. Quando se trata de mesas redondas, as opções são muito mais reduzidas. Normalmente colocando tampos de extensão no meio da mesa.

Essa mesa do primeiro vídeo é um excelente exemplo de criatividade! Com apenas um giro, ela se expande dobrando seu tamanho original. É ideal para economizar espaço e utilizar no tamanho ampliado quando receber visitas.

Poderia parecer impossível, mas é mesmo possível. O segundo vídeo é ainda melhor…  Não quer ter o trabalho nem de girar? Ok! Eles já fizeram o modelo dessa mesma mesa só que agora elétrica. Sem intervenção de qualquer pessoa. Apenas pressionando um botão.

Incrível!

O designer da Fletcher Capstan Table foi criado por David Fletcher que se inspirou nas antigas mesas elásticas que existem desde o século 18 e a sua primeira patente foi feita por Robert Jupe em 1835 na Inglaterra. Hoje uma mesa elástica antiga é muito valorizada no mercado de antiguidades com preços variando de R$25mil a R$50 mil.O fabricante só divulga o preço da Fletcher Capstan Table sob consulta

Arquitetura Sustentável

05
fev
2014

Por , em fevereiro 5th, 2014

Boa noite e feliz 2014! Finalmente, voltamos com tudo no nosso Blog do Studio.

Hoje li uma matéria muito interessante: O Distrito Federal inaugurou o primeiro supermercado sustentável. A rede Super Maia apostou nos recursos arquitetônicos para economizar e dar uma ajudinha pro nosso meio ambiente. Como funciona isso? O telhado térmico reduz a necessidade do uso do ar condicionado; a iluminação zenital capta mais claridade e com isso diminui a conta de energia; todas as lâmpadas são de LED e não emitem raios UV. Fora que a durabilidade é 25 vezes maior que uma luminária convencional.

Super Maia Sobradinho_Foto_Felipe Menezes_009

Primeiro supermercado sustentável

A arquitetura pode nos ajudar economicamente. Hoje em dia a palavra sustentabilidade está em voga! Não só por moda, mas também por necessidade e urgência em “salvar o planeta”!!

Algumas providências são ideais para quem se preocupa com a preservação ambiental. Situar a residência e as janelas de acordo com a trajetória do sol, se informar sobre o rumo do vento, utilizar vidros duplos (ou inteligentes – já falei dele aqui no projeto da Casa Sob Medida), onde há uma ampla redução do calor, mantendo a claridade dos ambientes, etc. As construções que seguem todos estes procedimentos são recompensadas com um imóvel bem mais valorizado e qualitativo.

A preocupação em preservar a natureza durante um processo de construção é uma grande responsabilidade. Devemos nos atentar para o uso de materiais ecologicamente apropriados, fabricados com o mínimo de prejuízo ao ambiente. Entre eles podem ser citados os blocos de terra comprimida, tintas não tóxicas, reciclados, madeira acompanhada do respectivo certificado ou de um ciclo renovador de pouca duração.

A quantidade de água que será utilizada é de suma importância. Hoje em dia temos inovações tecnológicas, como a reutilização de água, o uso de água da chuva, uso de torneiras e chuveiros equipados com temporizadores ou sensores. Outro elemento essencial é o aquecimento solar da água.

A arquitetura sustentável surgiu para amenizar este impacto ambiental. Num mundo onde vivemos em constante evolução, precisamos focar nossas ideias junto à tecnologia, para melhorar a qualidade de vida cotidiana.

 

size_590_bosco-verticale

Bosco Verticale

Duas torres residenciais, sustentáveis e inovadoras estão em construção em Milão, Itália. O Bosco Verticale será a primeira floresta vertical do mundo, pois cada apartamento possuirá uma varanda com árvores de médio porte plantadas. As torres terão sistemas de energia eólica e fotovoltaica para aumentar o grau de autossuficiência energética e a irrigação será feita pelo reaproveitamento de águas produzidas pelo edifício.

Nova imagem

Mostra Artefacto 2010 – Vitrine Denise Zuba

Na Mostra Artefacto 2010, Denise Zuba optou por materiais de produção sustentável. Escolheu o pinus de reflorestamento, roliço autoclavado (imunizado contra danos biológicos – cupins, brocas e moluscos), que tem resistência inclusive para ficar ao tempo (até quinze anos) e o viroc, madeira recomposta mineralizada, que torna o material resistente como a pedra.

Também foi utilizada iluminação com leds, muito mais econômicos do que as lâmpadas incandescentes e que apresentam ainda melhor rendimento do que as fluorescentes. Nessa mostra, também usamos a EcoFirePlace, uma lareira ecológica, que deu um toque super charmoso.

 

 

Philippe Starck – o mestre do design

30
nov
2013

Por , em novembro 30th, 2013

Quem nunca ouviu falar de Philippe Starck???

phillip starck

Starck é considerado um dos mais criativos e originais designers contemporâneos. Nasceu em 1949 em Paris. Produz design quase como respira. A suas criações ditam tendências no mundo do design com um estilo irreverente. Desde o mobiliário e arquitetura de interiores, à iluminação, até acessórios de cozinha, vestuário e uma infinidade de objetos, Starck usa seu bom gosto com muito talento.

Estudou na Escola Central de Artes Decorativas em Paris, e é formado em arquitetura e design. Aos 20 anos já dirigia um escritório de arquitetura na capital francesa. Nessa mesma época, assumiu o cargo de diretor de arte da “Pierre Cardin” onde produziu mais de 60 peças de design exclusivo. Atualmente Starck desdobra-se entre quatro cidades: Paris, NY, Veneza e Londres, viajando um pouco por todo mundo para concretizar os seus projetos.Trabalha para diversas marcas de renome internacional na área do design como as italianas Kartell, Alessi, Cassina, e Driade, entre muitas outras.

starck-MastersA mais recente novidade de Starck, são os 30 modelos de casas pré-fabricadas de alto padrão que serão produzidos pela empresa eslovena Riko. Feitas de pínus certificado, apresentam aberturas com vidro triplo recheado de gás argônio injetado (o que garante conforto térmico), cobertura verde, coleta de água da chuva e fontes energéticas alternativas. Erguidas em apenas seis meses sobre terreno aplainado, as casas variam de 110 m² a 415 m² e estão disponíveis só na Europa, a partir de € 2,4 mil o m². No entanto, a intenção é vendê-las em breve no Brasil.

philippe-starck-assina-linha-de-casas-pre-fabricadas

 

 Algumas das muitas criações do designer: 

starck5 milao-2010-antecipamos-novidades-salao-movel-09 26049.34729A4F Philippe_Starck_Mr._Impossible_Chair_uz9 Y lighting Ms K table lamp philippe starck yellow blue 080808_philippestarck_a

1280-visuel-velo-for-bordeaux-by-sarck-with-peugeot-10-feb-2012-2_0

Em 2012, Starck desenvolveu a Pibal, um híbrido entre  bicicleta e scooter, em colaboração com a marca francesa Peugeot, para a cidade de Bordeaux, voltada para um programa de compartilhamento de bicicletas, com o objetivo de  estimular a escolha deste modo de transporte dentro da cidade.

imgPhilippe Starck1TEL-OLA11334613956_1334339293_philippe_starck_pratfall_chair_747600starck01starck-1phillipe-starck-ed-archer-chair

“Cada objeto, cada forma, cada estilo deve ter um significado e é esse significado que nos influencia a cada dia.” Philippe Starck

Starck na arquitetura:

baron vert Nani-02 flickr-2268543529-original photo by naoyafujii

“Se não há visão humana, social ou amorosa, um projeto não tem a legitimidade de existir”. Philippe Starck

 

 

Artefacto Selects

27
nov
2013

Por , em novembro 27th, 2013

Pra quem quer renovar os móveis da casa ou finalizar a decoração antes do Natal, na Artefacto ainda da tempo. A campanha Artefacto Selects traz uma seleção com mais de 15 mil itens a pronta entrega. Basta ir à loja e escolher. O prazo entre a compra e a chegada do móvel é de, no máximo, 10 dias. A equipe do Studio Denise Zuba foi conhecer pessoalmente essa campanha que traz lançamentos e peças selecionadas através de uma pesquisa interna. A empresa escolheu os 100 melhores e mais vendidos produtos de cada segmento. Sofás, mesas, cadeiras, poltronas e outros produtos em cores mais neutras e acabamentos versáteis.

foto 1

Equipe Denise Zuba

foto 2

Juliana Zuba, a gerente Roberta Denucci e Felipe Zuba

Algumas peças do Artefacto Selects:

Slide1 Slide2 Slide3 Slide4 Slide5 Slide6 Slide7 Slide8 Slide9 Slide10 Slide11 Slide12

SOBRE A ARTEFACTO

Aberta em 1976, no bairro de Pinheiros, em São Paulo, a Artefacto sempre direcionou suas metas no sentido de satisfazer os desejos e as necessidades dos seus clientes. Hoje são 24 lojas no Brasil e o condomínio de produção no interior de São Paulo. Nos Estados Unidos são três lojas: em Coral Gables,Aventura – maior loja da marca com 4.500m² – e Doral.
No Brasil, a Artefacto é referência no setor. Sempre na vanguarda, a marca foi a primeira no país a trabalhar com o conceito de mostra de decoração dentro do showroom. Num estudo Top of Mind Luxo, realizado recentemente pelo Instituto QualiBest, a marca liderou o ranking com 39% das citações no segmento.
Artefacto Brasília
Vitrine 21
Shis Qi 21, Bloco B – Lago Sul
Fone: (61) 2196-4250
Segunda à Sexta – Das 10h às 19h – Sábados – Das 10h às 16

 

Por dentro do Studio

22
nov
2013

Por , em novembro 22nd, 2013

Para finalizar nossa semana de muitos projetos e trabalho, mais um 3D residencial concluido! Bom final de semana!

Loft – Um estilo de vida

21
nov
2013

Por , em novembro 21st, 2013

Afinal, o que é um loft? Conceitualmente, o nome loft se refere a mezanino, sótão ou espaço semelhante (geralmente usado para armazenagem) sem divisórias. Nos anos 60, esses espaços eram usados por artistas plásticos como ateliê. O vão livre, com pé direito alto, servia como moradia e local de trabalho. Com quarto, sala, banheiro e cozinha… Tudo num mesmo salão. Nos anos 70, em Nova York, os lofts viraram moda. Era a grande tendência da época. E como toda novidade, ficou caro!!! Em Manhattan, os menores lofts (de 50 a 70 metros quadrados) custam no mínimo 1 milhão de dólares (impressionante!!). Mas como para tudo nessa vida tem jeito, nada como bom gosto e charme para construir seu loft com materiais mais acessíveis e práticos… Bem prático! Já que agora a intenção é viver num local totalmente integrado. Os principais quesitos para desenvolver um loft tradicional são: Pé direito alto, ausência de paredes como divisões internas, pilares, vigas, tijolos e tubulações aparentes, ausência de forro e piso (no chão é utilizado cimento) e iluminação natural garantida por grandes panos de vidro.

Slide1 Slide2

10

Atualmente, esse conceito original perdeu a força já que temos muitos recursos para sofisticar este espaço, ideal para solteiros e jovens casais sem filhos. Muitos duplex encontrados no mercado, embora não sejam nada amplos, são vendidos como lofts só por causa do pé-direito duplo. Essa moradia passou a ser um estilo de vida.

O LoftCube traduz muito bem a evolução desse pequeno grande espaço. O designer Werner Aisslinger desenvolveu um projeto acessível, facilmente transportável, ecologicamente eficiente e que pudesse ser construído em massa. Na verdade, a intenção era ocupar os topos dos prédios de Berlim, onde fica o escritório de Aisslinger. Os protótipos construídos possuem 6.00×6.00×3.00 metros de altura, com módulos de painéis de madeira, com plástico removível. A arquitetura é marcada por grande transparência na fachada e nenhuma divisão interna, o que não foge do conceito inicial… porém, nesse caso, agora temos tubulações por dentro de parede, forro de gesso, pintura interna, piso assentado e pouca privacidade. Os brises e persianas ajudam nesse pequeno problema. Mas a vista tem que cooperar, e muito, para encarar um projeto desse. Pra quem quiser se informar mais sobre o LoftCube, clique aqui: http://www.loftcube.net/main.html

cube2 cube3 cube4

cube1 loft loft2

Abaixo, fotos do Home Office feito pelo Studio Denise Zuba na Casa Cor Brasília 2004 :

DSC_6200 copy

casa cor 2004 02 DSC_6153 copy DSC_6170 copy

casa cor

Interblog – Casa Mahina

12
nov
2013

Por , em novembro 12th, 2013

A residência Mahina (palavra que significa “lua”, em Maori, idioma dos nativos da Oceania) fica localizada em frente ao mar, em uma ilha desabitada ao norte de Auckland, na Nova Zelândia. É uma casa paradisíaca, tem o formato perfeito de uma lua crescente e o branco é sua cor dominante. Apresenta uma área total de 827 m2 com quartos, banheiros, salas, piscina, jacuzzi e outros equipamentos térmicos para regular a temperatura interna. Seus panos de vidro de piso a teto, oferece luz natural em abundancia, além de uma vista espetacular. De acordo com a Weber Consulting, empresa neozelandesa responsável pelo projeto, a casa tem um visual “Bondesco”, em referência a filmes do clássico personagem James Bond, o 007. Bem ousada! Confira as fotos e o video do 3D:

0,,42763711,00 MH7 0,,42763735,00 0,,42763710,00

Página 1 de 41234